18 de abr de 2013

Tire suas dúvidas sobre pedalar em trilhas


Foto: Shutterstock


Modalidade enfrenta menos carros e estimula contato com a natureza


Os incontáveis acidentes envolvendo ciclistas, a poluição e a escassez de ciclovias têm atraído cada vez mais adeptos a uma modalidade ciclística em meio à natureza, a mountain bike. O estilo ganhou força no Brasil no início da década de 80 e hoje já conta com diversos grupos que realizam passeios, fazem viagens e até ministram cursos na área. 

Vantagens do mountain bike

Quais as vantagens em relação a andar na cidade?
Segundo Paulo Tarso, o grande diferencial da trilha é a quantidade bem menor de carros que o ciclista enfrenta. Ele lembra apenas que, em certos lugares, é preciso lidar com jipeiros e motoqueiros nem sempre tão amigáveis. "Ainda assim, os riscos de acidentes e confusões são bem mais baixo", diz.
Outra característica positiva é o contato com a natureza. "O ar limpo e a ausência de poluição sonora e visual nos dá sensação de liberdade e faz com que deixemos o estresse para trás", complementa Lucas Moreira, presidente da Associação Mountain Bike BH de Ciclismo, em Belo Horizonte. Ele conta que, andando de bicicleta, você enxerga as paisagens de outra maneira e chega a lugares inacessíveis a automóveis.

Esforço físico

A modalidade requer mais esforço físico?
"Como você passa por buracos, caminhos sinuosos, subidas e descidas - e tudo na terra - a modalidade exige um bom preparo físico", adverte Paulo Tarso. Tamanha dificuldade pode desestimular muitos aspirantes logo na primeira tentativa, mas o ciclista Lucas Moreira conta que o que define o sucesso no esporte é persistência e o autoconhecimento. "Um iniciante deve reconhecer suas limitações e optar por começar com desafios mais simples, em trilhas com menos relevo", sugere.
Vale lembrar também que, por conta desse maior esforço, a queima de calorias é superior a um passeio de bicicleta no asfalto.

Bicicleta de passeio

Posso usar a bicicleta que tenho em casa?
Bicicletas não são todas iguais: existem os modelos mais simples próprios para passeios, outros tamanho e design ideal para manobras e as versões destinadas aos praticantes de mountain bike. Estas têm acabamento reforçado adequado para suportar grandes impactos e sempre incluem marcha. Investir nesse equipamento específico é uma questão de segurança, lembra Paulo.

Segurança

Quais os equipamentos de segurança a modalidade exige?
"Os equipamentos básicos são capacete, óculos, luva, bermuda com forro (para evitar que o banco machuque) e roupas leves que, de preferência, chamem a atenção de motoristas de carro, para evitar acidentes", pontua Lucas Moreira. Também é aconselhável sempre levar uma capa de chuva, caso o tempo mude durante o passeio, e roupa de banho para aproveitar as cachoeiras que aparecem no caminho.

Passear sozinho

Posso ir sozinho?
Fazer trilhas sozinho pode ser muito perigoso. Além do risco de se machucar e não ter qualquer pessoa para dar suporte, você fica mais vulnerável a assaltos. "O ideal é sair em grupos de pelo menos três pessoas, pois, caso ocorra algum acidente, um dos integrantes poderá ficar com a pessoa machucada e o outro irá buscar ajuda", aconselha Paulo Tarso. O profissional conta ainda que uma das grandes motivações do esporte é o companheirismo entre os participantes.

Chuva na trilha

O tempo pode atrapalhar o passeio?
Por ser um passeio ao ar livre, o mountain bike está à deriva de calor e frio excessivo, além, é claro, da chuva. Tanto Paulo quanto Lucas não costumam pedalar em dias chuvosos, mas contam que durante diversas trilhas foram surpreendidos por verdadeiros dilúvios. Nessa hora, o jeito é vestir a capa de chuva e encarar a trilha.
Fonte: Minha Vida 
Bons treinos!
Equipe Fast Runner
Por Fast Runner
Confira alguns produtos no site:

     

Além disso, você que mora em São Paulo, conta com a Oficina de Bike da Fast Runner, na Alameda dos Arapanés, 195, em Moema. A Oficina promove manutenção especializada na sua magrela. Venha nos visitar!

Siga a Fast Runner também no Instagram. Acesse: @lojasfastrunner ou clique aqui

Nenhum comentário:

Postar um comentário