19 de jul de 2013

Adapte sua alimentação ao horário de treino


Foto: Divulgação

Saiba o que comer antes e depois da corrida evitando enjôos e desmaios


Só comendo bem para conseguir bons resultados. E nada de fazer cara feia: se você começou a correr, pensando em fechar a boca, trate já de voltar atrás. Primeiro porque comer bem está longe de significar comer muito. E, segundo, porque sem uma dieta balanceada não há corredor que pare em pé.

Antes de decidir o que pôr no prato, entretanto, você precisa considerar seu horário de treino. Esta variante determina a escolha do cardápio. Mas alguns alimentos devem ficar fora da lista das opções, independente do seu turno de treino: é o caso dos que soltam o intestino e podem forçar o corredor a ter que procurar um banheiro no meio do treinamento. Preste atenção no seu metabolismo e elimine da lista as opções arriscadas caso das fibras, em algumas situações, e de alguns tipos de gordura.

Se você treina...

Logo após acordar: procure manter uma alimentação de digestão fácil e rápida (mas suficiente para o gasto de energia que você pretende realizar). Um copo de suco de laranja ou uma fruta podem ser boas opções.

No meio da manhã: tome um café-da-manhã reforçado ao acordar, rico em carboidratos (como pães e bolos). Se o treino for cerca de duas horas depois do café, pode comer alimentos integrais sem preocupações. Inclua ainda alguma proteína, como queijo, leite e presunto de peru.

Na hora do almoço: antes de treinar, faça um lanche leve e nutritivo. Vale comer um sanduíche de queijo branco, uma barrinha de cereais ou uma fruta.

Treino à noite: coma bem durante o dia e, antes de correr, tome um copo de suco, e coma uma barrinha de cereais.

Depois do treino: Não importa a hora em que você treina, a refeição após o término deve seguir o mesmo critério: carboidratos (para repor a energia) e proteínas (para recuperação muscular). Basta adaptar: pela manhã, um sanduíche de queijo branco com peito de peru e um copo de leite ou suco rendem uma boa pedida. Na hora do almoço, fique com um grelhado e salada mista de verduras e legumes variados.

E durante o treino?

Quem corre por mais de 40 minutos seguidos precisa repor também os sais minerais. As bebidas isotônicas cumprem este papel. A reposição de carboidratos também é necessária nos treinos mais longos. Barras e géis energéticos à base de carboidratos são bem-vindos. Mas se suas atividades duram mais de 30 minutos, com os alongamentos, encha garrafinha de água e vá consumindo aos poucos os isotônicos são recomendados apenas paraatletas que correm mais de 50 minutos sem parar. Procure por aqueles que tenham sódio e potássio na fórmula.
Fonte: Minha Vida 
Bons treinos!
Equipe Fast Runner
Por Fast Runner

Um comentário:

  1. Muito bom, sempre fico na duvida do que comer antes e depois e ja vi que estou fazendo correto. só nunca tomei isotonico, vou comecar a agregar o liquido aos treinos!

    ResponderExcluir