25 de out de 2012

JOELHO DE CORREDOR: Saiba como lidar com a lesão

Inflamação causa dores na região lateral do joelho e pode interromper a atividade física. Recuperação dura em torno de três a seis semanas.

Popularmente chamada de "joelho do corredor", a síndrome do trato iliotibial atinge, em sua maioria, os corredores de longa distância, embora este tipo de problema não seja exclusivo dos chamados fundistas. A lesão inflamatória causa dores na região lateral do joelho e, segundo a fisioterapeuta Flora Pitta, pode ocorrer por conta de diversos fatores, embora a sua causa ainda seja controversa. 

- O único consenso é que a causa pode ser multifatorial. As alterações funcionais e biomecânicas, alteração excessiva no arco plantar (pé cavo ou plano) somadas a calçado inadequado, erro nas técnicas de treinamento, mudança de superfície, irregularidades no terreno, como subidas, descidas em excesso e buracos, aumentam o atrito do trato iliotibial e podem causar a lesão – diz a fisioterapeuta, que ainda chama a tenção. 

- Não acredite que a única causa de dor lateral do joelho é síndrome do trato iliotibial, existem outras lesões inclusive mais graves. 
Infográfico síndrome iliotibial (Foto: Arte esporte) 
Tratamento e prevenção 

O primeiro indício da lesão é a dor que aparece durante o exercício, fazendo com que o atleta tenha que interromper os treinos. Com o passar do tempo, o incômodo pode passar para a lateral da coxa e da perna (confira no infográfico acima). Segundo a fisioterapeuta, o tratamento pode necessitar de intervenção cirúrgica em casos mais extremos, embora a melhor opção é o tratamento conservador, que dura em torno de três a seis semanas. 

- A melhor opção é o tratamento conservador com os cuidados de um fisioterapeuta, que tem como objetivo diminuir o quadro doloroso e melhorar os desequilíbrios musculares que o paciente apresenta. O uso do gelo é bastante comum no tratamento. Em alguns casos, pode ser aplicado o uso de corticóides locais. Nesse tipo de tratamento, a volta a prática esportiva é progressiva, sempre sob orientação do fisioterapeuta - acrescenta Flora, que chama a atenção. 

Segunda a fisioterapeuta, algumas medidas podem ser tomadas para evitar a lesão, como: orientação de um profissional, aquecimento antes da prática esportiva, uso de calçado adequado e alongamentos – principalmente da parte lateral dos membros inferiores (veja possíveis exercícios no infográfico acima).

Fonte: Flora Pitta / GloboEsporte
Por Fast Runner
Confira algumas indicações de tênis para sua pisada:
Neutra - Mizuno Wave Pro Runner 15Asics Gel Excel 33
Pronada - Nike Lunar Glide +4 / Mizuno Wave Nirvana 8
Supinada - Mizuno Wave Creation 13 / Asics Gel Nimbus 14

Um comentário: