8 de nov de 2012

Suplementos para ganho de massa muscular

Foto: nima, hopographer

Como atuam e como devem ser consumidos?


Dentre os objetivos dos praticantes de atividades físicas destaca-se o ganho de massa muscular. Vamos entender como ocorre o aumento de massa muscular, como os suplementos de proteína auxiliam nesse processo e qual a forma correta de consumir tais suplementos. 

Ganho de massa muscular

O aumento de massa muscular pode ocorrer através de dois processos a hiperplasia e a hipertrofia. 
A hipertrofia é o aumento do tamanho da fibra muscular ou crescimento de uma célula ou órgão ou tecido. Neste caso não há o aumento no número de células. Há o aumento na secção transversa do músculo, ou seja, aumento no tamanho e no número de filamentos de actina e miosina e adição de sarcômeros dentro das fibras musculares já existentes.
A hiperplasia é o crescimento por aumento do número de células no músculo. Esse aumento do número de fibras musculares é chamado de hiperplasia fibrilar. Quando ocorre, seu mecanismo é a divisão linear de fibras previamente aumentadas.

Proteína x Ganho de massa muscular

As proteínas desempenham papel na construção, manutenção e reparo de tecidos corporais, incluindo os músculos. É indispensável que uma quantidade suficiente seja obtida na dieta, a fim de evitar um balanço nitrogenado negativo, pois este pode aumentar o catabolismo proteico (perda de massa muscular) e retardar a recuperação do músculo. O balanço nitrogenado é o equilíbrio entre a quantidade de proteína que é consumida na dieta e aquela que é gasta/eliminada pelo organismo. Em praticantes de atividades físicas que desejam ganhar massa muscular desejamos ter no organismo uma situação de balanço nitrogenado positivo, ou seja, que a ingestão seja maior do que o gasto, assim teremos aminoácidos para disponibilizar para síntese proteica e potencializaremos os efeitos no aumento de massa muscular. 

Suplementos para ganho de massa muscular

Encontramos algumas opções de suplementos a base de proteínas que são recomendados para ganho de massa muscular. 

  • Albumina – é a proteína presente na clara do ovo. Apresenta menor concentração de proteína por dose, por isso pode ser utilizada por iniciantes de musculação.

  • Proteína de Soja – É uma proteína de alta qualidade, completa e de origem vegetal. Fornece os aminoácidos essenciais para o desenvolvimento muscular. Pode ser recomendada para praticantes de atividades físicas vegetarianos. 

  • Barra de proteínas – As barras de proteína possuem uma combinação de proteínas de alto valor biológico, vitaminas e minerais. São opções de fácil transporte e consumo. 

  • Aminoácidos em cápsulas, tabletes ou líquido – as proteínas são compostas por vários aminoácidos ligados. Nesses suplementos a absorção ocorre mais rapidamente, pois não teremos a etapa de digestão, já estão prontos para serem absorvidos. 

  • Whey Protein – É a proteína do soro do leite. Possui alto valor biológico, tem melhor capacidade de absorção que as demais proteínas e excelente digestibilidade. 

  • Caseína – A caseína é uma das frações protéicas do leite. Auxilia no ganho de massa muscular.

Como e quando consumir?

Os suplementos hiperprotéicos devem ser utilizados após a prática da atividade física, misturados preferencialmente à água, para que a absorção ocorra mais rapidamente.
Durante os exercícios, ocorre a destruição de miofibrilas no músculo e, no descanso que se segue, estas são reconstituídas por meio da síntese proteica, sendo que tal processo tende a ser de maior magnitude do que a destruição que ocorre  no decorrer do treino. Dessa forma, após o período de recuperação, ocorre o aumento de massa muscular. 
Ao término do exercício temos o que chamamos de janela de oportunidade, onde nosso potencial para ganho de massa muscular esta aumentado. Nosso potencial anabólico é maior entre 15 e 30 minutos pós exercício, dessa forma devemos consumir o suplemento logo após terminar o exercício e priorizar aqueles de mais fácil digestão, pois assim teremos aminoácidos já disponíveis no músculo nesse intervalo de tempo. Vale ressaltar que 2 horas após o exercício nosso potencial anabólico acaba, ou seja, se consumirmos os suplementos após este horário não teremos ganho de massa muscular. 

Fonte: Thais Souza - Nutricionista da Rede Mundo Verde
Por Fast Runner
Bons treinos!
Equipe Fast Runner

Confira alguns produtos em nosso site:
Pote Labrada Nutrition Power Carb
Barra de Proteína Honey Stinger
Cápsula SportPharma BCAA

Um comentário: