23 de out de 2012

Bronze e prata em Londres, Brownlee e Norden vencem mundial da ITU

A última etapa do Circuito Mundial de Triathlon teve finais emocionantes entre os homens e as mulheres. No masculino, apesar do primeiro lugar em Auckland, o espanhol Javier Gomez não garantiu o título mundial, que ficou com o britânico Jonathan Brownlee. Já entre as mulheres, a alemã Anne Haug conseguiu o ouro da etapa neozelandesa, mas o título da categoria ficou com a sueca Lisa Norden.

Entre os homens já era esperado que Brownlee, Gomez e o russo Dmitry Polyanskiy travassem um duelo em particular. Porém, o que o britânico, medalhista de bronze em Londres, e o espanhol, prata nas Olimpíadas, protagonizaram foi além do esperado. Na corrida, quando os dois já tinham deixado para trás os demais, eles trocaram a liderança da prova por três vezes, sendo que nos últimos 200 metros Gomez conseguiu ultrapassar Brownlee impondo um ritmo muito forte e garantindo a vitória na última etapa do ano.

Apesar de ter alcançado o lugar mais cobiçado no pódio, o espanhol terminou a temporada 2012 em segundo, com 4845 pontos. Na primeira posição geral ficou Jonathan Brownlee, com 4935 pontos, deixando mais uma vez o título mundial de triathlon nas mãos da família, já que em 2011, seu irmão mais velho, Alistar, foi o campeão mundial.

Intoxicação alimentar - Mesmo com a ausência de Nicola Spirig (SUI), ganhadora do ouro olímpico em Londres, a expectativa era de que Erin Denshan, da Austrália, bronze em Londres, e Lisa Norden, da Suécia, prata nos Jogos Olímpicos deste ano, brigassem pelo primeiro lugar. Porém, a disputa principal aconteceu entre Denshan e a alemã Anne Haug. Uma intoxicação alimentar fez com que a sueca passasse a noite que antecedeu a prova em um hospital de Auckland e tirasse dela qualquer chance de lutar pelos primeiros lugares.

Durante a prova, as triatletas tiveram que enfrentar um mar gelado e um percurso duro. Na saída da água o primeiro pelotão logo teve a companhia de Haug, que na bike, imprimiu um pace diferenciado das outras competidoras e já na terceira volta assumiu a liderança. A vantagem aberta pela alemã durou até o final do triathlon, quando a campeã da etapa parou o cronômetro em 2h10min48. Porém, a briga pelo segundo e terceiro lugar durou até a linha de chegada. A americana Gwen Jorgensen (2h11min00), em sprint final, ultrapassou a chilena Barbara Riveros Diaz no último metro, garantindo o segundo lugar com apenas um segundo de vantagem. Em quarto lugar chegou Norden com o tempo de 2h11min03, que mesmo não estando em sua melhor forma conseguiu pontuação suficiente para se sagrar campeã.

Confira o resultado da etapa final do Circuito Mundial de Triathlon:

Masculino
1º Javier Gomez (ESP) – 2h00min9
2º Jonathan Brownlee (GBR) – 2h00min39
3º Sven Riederer (SUI) – 2h01min18

Feminino
1ª Anne Haug (ALE) – 2h10min48
2ª Gwen Jorgensen (EUA) – 2h11min00
3ª Barbara Riveros Diaz (CHI) – 2h11min01

Confira a classificação final do Circuito Mundial de Triathlon:

Masculino
1º Jonathan Brownlee (GBR) – 4935 pontos
2º Javier Gomez (ESP) – 4845 pontos
3º Dmitry Polyanskiy (RUS) – 3822 pontos
4º Sven Riederer (SUI) – 3773 pontos
5º Richard Murray (AFS) – 3575 pontos

Feminino
1ª Lisa Norden (SUE) – 4351 pontos
2ª Anne Haug (ALE) – 4340 pontos
3ª Andrea Hewitt (NZL) – 3893 pontos
4ª Barbara Riveros Diaz (CHI) – 3707 pontos

Nenhum comentário:

Postar um comentário