15 de out de 2012

Conheça três fatores que podem te afastar da corrida

Nem sempre a causa de lesões é o treino longo. Muitas vezes temos mais de um fator que pode te impedir de correr. Vamos abordar três fatores importantíssimos que podem levar a lesões, principalmente se combinados entre si ou com treinos longos:

Desvios articulares;

Calçado mal indicado;

Terreno irregular.

O desvio articular, como já mencionado anteriormente, é um fator que somado a treinos longos pode causar lesões de sobrecarrega nas estruturas estabilizadoras da articulação, como os ligamentos e tendões. Em alguns casos o desvio articular por até levar a desgastes articulares como lesões de cartilagem e de menisco (este último no caso do joelho).
Mesmo em treinos mais curtos o desgaste está ocorrendo. O que determina em quanto tempo cada um começa a sentir os sintomas do desgaste depende do volume de treino semanal e desvio da articulação.

Outro fator muito comum hoje é o calçado mal indicado. É como se fosse a Copa do Mundo: temos 190 milhões de técnicos que acham que sabem escalar a seleção. E o mesmo acontece com os especialistas em calçados para corrida.
Sem se fazer um teste antes na esteira com uma câmera especial, capaz de medir o ângulo de pronação do pé no momento da corrida, é muito difícil, a olho nu, ou com uma câmera comum verificar o ângulo exato de pronação. Portanto, na dúvida, compre o tênis neutro. E lembre-se, a maciez do calçado vem da palmilha e não do sistema de amortecimento, que funciona como a suspensão de um carro, quanto mais “mole”, mais instável e maior a chance de aumentar o ângulo de pronação.
Quando se existe uma alteração a ser corrigida, o ideal é que se faça uma palmilha personalizada com especialistas que realizem testes como baropodometria e avaliações posturais. Mas lembre-se, se a palmilha foi confeccionada a partir de testes em que você estava parado ou caminhando, o resultado não é o específico para corrida. Esse tipo de palmilha pode ajudar, mas o mais correto e fazer uma avaliação do ângulo de pronação durante a corrida.

E por último, o terreno irregular. Correr em lugares não nivelados pode levar a lesões graves, além dos famosos “capotes”. As lesões podem variar entre entorses até fraturas de pé e tornozelos. Além disso, caso você tenha desvio articular, você pode agravar essa condição ao pisar em um terreno instável.
As descidas em trilhas geralmente exigem muita técnica. Uma dica aos passageiros de primeira viagem é que façam a parte de subida correndo, mas na descida caminhem e treinem um aumento de velocidade gradativo, pois na empolgação é que ocorrem as piores lesões.
Nunca esqueçam que nós somos como um carro: um pequeno barulhinho no câmbio pode custar apenas 200 reais para o aperto dos parafusos e a reposição do óleo, mas se o câmbio quebrar a troca dele pode custar 10 vezes mais.

Por Claudio Cotter
Fonte: www.webrun.uol.com.br

Confira também: 
Tênis Asics Gel Kayano 18
Tênis Mizuno Wave Pro Runner 15
Tênis Nike Lunar Glide +4

Venha fazer seu teste de pisada gratuito na loja Fast Runner!
Al. Arapanés, 195 - Moema - São Paulo

Um comentário: