2 de set de 2013

Proteína do soro do leite: Suplemento ajuda a musculatura e reduz lesões

Reforço alimentar é o mais consumindo entre os atletas e apresenta ótima composição para sumplemtação dos praticantes de atividades físicas


A proteína do soro do leite ou WHEY PROTEIN é um dos suplementos mais consumidos por praticantes de atividade física com objetivo de aumento de massa muscular, recuperação muscular e diminuir índice de lesões. As proteínas do soro de leite são altamente digeríveis e rapidamente absorvidas pelo organismo. Apresentam excelentes quantidades de aminoácidos essenciais e elevadas concentrações dos aminoácidos triptofano, cisteína, leucina, isoleucina e lisina.

O soro do leite passa por diversos processos de filtração, nos quais as gorduras e outros componentes de menor interesse nutricional são removidos, resultando em um concentrado protéico de altíssimo valor biológico. A metodologia utilizada no processamento vai definir a qualidade do produto final obtido;

- Micro filtração: o soro do leite sofre uma filtração que possibilita a obtenção de proteínas que formam um concentrado proteico com baixa porcentagem de lactose, gorduras e micronutrientes.

- Ultra filtração: utiliza membranas menores com a finalidade de obter maior concentração das proteínas do soro do leite. O soro passa por um filtro que permite a passagem das moléculas menores como a lactose, gordura e resíduos, e concentra as maiores (proteínas). É através deste processo que se obtém a Whey Protein Concentrada (WPC).

As proteínas do soro do leite podem estar na forma:

Concentrada
A forma concentrada da proteína do soro do leite contém em torno de 29 a 89% de proteína. Normalmente é obtida por processo de ultra filtração, ou seja, um filtro que permite a passagem das moléculas menores como lactose, gordura e resíduos, e concentra as maiores.

- Isolada
É a forma mais pura da proteína do soro do leite, constituída em 90% ou mais por proteína pura.
Pode ser obtida através de 2 processos : microfiltração ou pela troca iônica (processo considerado o mais eficiente, atingindo 100% de pureza). Contém pouca ou nenhuma gordura ou lactose.

- Hidrolisada
As proteínas do soro do leite hidrolisadas estão na forma de dipeptídeo e tripepitideo, o que proporciona uma velocidade máxima de absorção.
Tanto a proteína concentrada quanto a isolada podem ser hidrolisadas. Este é a forma mais filtrada e altamente processada. É facilmente digerida e tem potencial reduzido para reações alérgicas.

- Proteína isolada e hidrolisada
Existem ainda produtos que possuem as duas propriedades. É a proteína pura ou quase pura que temos na proteína isolada tradicional com a absorção rápida e completa da proteína hidrolisada. Absorção de quase 100% de uma proteína de alta qualidade.

O consumo de proteínas ou aminoacidos é efetivo em estimular a síntese proteica, entretanto isto ocorre em níveis mais elevados quando a Proteína é combinada com carboidrato. A proteína é melhor absorvida na presença de carboidratos. Portanto nem sempre a forma isenta de carboidratos é a mais indicada.

A escolha do tipo de whey protein, quando e como usar vai depender da alimentação, objetivo e fase de treinamento. Deve ser prescrito pelo Nutricionista ou Médico.
Fonte: Globo Esporte 
Bons treinos e ótima alimentação!
Equipe Fast Runner

Siga a Fast Runner também no Instagram: @lojasfastrunner

Nenhum comentário:

Postar um comentário